• Engenho e Arte

PRODUTIVIDADE NA CONSTRUÇÃO AUMENTOU COM O COVID-19



Uma pesquisa académica sobre o impacto da adaptação do trabalho pós-Covid-19 nos Estaleiros de Obras descobriu que, longe de ter diminuído, a produtividade pode realmente ter melhorado.

Dizem 'o que não mata faz-te mais forte' e, no caso da construção civil, a pesquisa a que tivemos acesso parece apoiar este ditado. Embora a produção total nos estaleiros de obras tenha sido mais reduzida pelas restrições impostas pelos requisitos de distanciamento social, a produção por pessoa parece pelo menos em alguns casos, ter aumentado. As razões para isso incluem melhor planeamento de tarefas, menor tempo de espera entre as tarefas, maior espaço e, portanto, menos 'sobreposição' de actividades, mais uso de soluções tecnológicas, mais responsabilidade para os indivíduos e menos tempo gasto em reuniões.

A pesquisa foi realizada pela Loughborough University em cinco locais com a participação de Balfour Beatty, GKR Scaffolding , Kier, Mace, Morgan Sindall e Skanska UK. Os comentários típicos que foram recebidos incluem: “50% de redução da força de trabalho, mas apenas 30% de redução na produção” e “com a produtividade e as novas formas de pensar, acreditamos que só precisamos de 7,5 pessoas para fazer o mesmo que 10 pessoas anteriormente”.


O relatório revelador, Covid-19 e construção: primeiras lições para um novo normal? , declara: “O progresso geral do projecto, na medida em que os projectos ficaram para trás em relação ao programa esperado pré-Covid-19 , era variável. Foi influenciado por uma série de factores, incluindo menos trabalhadores no local, dificuldade em obter materiais e fornecedores especializados que encerraram a actividade devido ao confinamento. Algumas tarefas demoravam mais do que o normal devido à necessidade dos trabalhadores manterem o distanciamento social. “Uma série de medidas de mitigação foram postas em prática. Um projecto introduziu um segundo turno para intensificar a construção, embora ainda tivesse menos trabalhadores no local ao mesmo tempo. Outras tarefas foram reprogramadas ou realizadas de maneiras diferentes:. Numa outra obra usou-se a produção externa (préfabricação) para reduzir a necessidade dos trabalhadores estarem próximos, embora isso aumentasse os custos directos.

“Foi considerado que a produtividade / eficácia individual ou da equipa melhorou até certo ponto em todos os cinco estaleiros principais: ou seja, houve maior produção por trabalhador, mesmo que a produção total do local tenha sido reduzida por ter menos trabalhadores. "

Factores vistos como contribuintes para esta melhoria incluem:

  • Planeamento de tarefas melhor e mais detalhado

  • Mais espaço, menos pessoas e menos sobreposição de actividades no local de trabalho aumentam a produtividade da equipa / tarefa

  • Melhor planeamento por parte dos trabalhadores, por exemplo, preparação dos locais de trabalho com relação a ferramentas e materiais

  • Menor manuseio em duplicado de materiais

  • Menos pessoas 'rondando' esperando para iniciar o trabalho / tarefas

  • Fluxo de trabalho mais simplificado devido aos funcionários alternarem os seus horários de início, reduzindo a necessidade de fazer fila para acesso ao local ou vestiários

  • Pessoas conversando menos (devido ao distanciamento, etc.), e menos tempo a falar ao telefone

  • Num estaleiro, houve a percepção de que aqueles que voltaram ao site eram os trabalhadores mais motivados, os 'jogadores de equipe'

  • Alguns trabalhadores também podem ter ficado entusiasmados e com energia para voltar ao trabalho após a licença.

O relatório continua, “Uma descoberta forte da pesquisa foi o benefício percebido de melhor sequência de actividades e sobreposições reduzidas, reduzindo também o número de trabalhadores atribuídos a uma determinada tarefa ou área. A opinião geral era que isso teve um impacto positivo no fluxo de trabalho, na qualidade do trabalho e na eficácia/produtividade do trabalhador. Essa abordagem tem muito em comum com as metodologias Lean na produção, que buscam reduzir o desperdício e melhorar a produtividade e a qualidade. As mudanças relatadas nesta pesquisa estão relacionadas principalmente ao planeamento e execução de tarefas específicas. Benefícios adicionais podem ser alcançados com planeamento antecipado, ou seja, incorporando essas abordagens na fase de concepção do projecto. O aumento do uso de produção externa também pode contribuir para isso.



Embora tais mudanças possam ser benéficas em termos de custo e qualidade, também foi reconhecido que trabalhar dessa forma provavelmente levará mais tempo e poderá estender o tempo do programa. Será necessário levar em consideração dentro do sector e em discussão com os clientes se esta é uma maneira realista de a construção avançar. A adopção de longo prazo desses estilos de trabalho também pode ter implicações na carga de trabalho para alguns funcionários em funções de gestão e especialistas que precisariam de ser levados em consideração. É igualmente importante considerar o impacto na força de trabalho da linha de frente. A percepção dos entrevistados foi de que os trabalhadores estão satisfeitos com esta forma de trabalhar e valorizam a possibilidade de realizar o seu trabalho de forma eficiente. No entanto, a longo prazo, pode haver um risco de aumento da fadiga do trabalhador se houver menos oportunidades de tempo de inactividade/descanso informal,

Foi necessário um maior planeamento para sequenciar as tarefas de maneira mais eficaz. Isso também levou a uma melhor compreensão das tarefas, planeamento com mais detalhes, com menos tomadas de decisão 'na hora'. O planeamento para esse nível não é novo, mas talvez seja uma daquelas características que separa os projectos excelentes dos demais e que se beneficiariam em uma adopção mais ampla.

Os benefícios observados na organização e limpeza estão parcialmente relacionados a ter menos funcionários e mais trabalho sequenciado. No entanto, eles também reflectiram uma mudança na cultura e melhoraram a fiscalização em alguns locais e, portanto, poderiam ser sustentáveis. O planeamento também teve aqui um impacto, ao garantir que os materiais não fossem entregues antes de serem necessários.



GOSTOU? então coloque um "gosto" e partilhe para os seus amigos

Tem uma história para partilhar? email EngenhoeArte@yahoo.com


#construção #produtividade #covid19 #planeamento

114 visualizações

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Branca Ícone LinkedIn
  • Ícone do Twitter Branco

© 2019 Orgulhosamente criado com Engenho & Arte