• Engenho e Arte

TECNOLOGIAS QUE ESTÃO A REVOLUCIONAR A CONSTRUÇÃO CIVIL


A construção civil teve uma grande quebra no final da primeira década do presente século, no entanto reinventou-se e retomou o seu crescimento nos últimos anos. Recentemente, com a explosão mundial do Corona vírus, várias obras, das mais pequenas até às que envolvem muitos milhões de investimento foram colocadas numa prateleira em standby. Certamente que se avizinha um período de recessão económica o que inevitavelmente afectará vários sectores, a construção não será excepção…


Independentemente do estado de glória, ou não, da construção civil, a evolução e inovação não podem parar. É um sector muito importante no PIB nacional e como tal deve ser foco de melhoramento constante. É uma área de constantes desafios e os mindsets têm de ser actualizados de forma constante. Mesmo com um cenário de crescimento tímido, fica ainda mais importante investir na modernização do sector. A modernização tem sido responsável por diminuir os custos das obras, informatizar as actividades e, de modo geral, construir uma ponte para o progresso, assim como vem acontecendo em diversas outras áreas. Confira então quais as tecnologias que prometem revolucionar o sector da construção civil.



Drones


Os drones são óptimos instrumentos para chegar a zonas de difícil acesso. Com um custo baixo, estas pequenas aeronaves podem, por exemplo, ajudar a fazer a inspecção de obras. Imagine que um prédio apresenta fissuração na fachada, facilmente com o recurso a um drone, a análise do local deixa de ser uma dor de cabeça, garantindo ainda que nenhum trabalhador se expõe ao risco de acidente. Desta forma todos ganham; a análise da patologia é feita de forma rápida, os custos para a inspecção são muito mais reduzidos, assim como os riscos de acidentes são reduzidos, ficando próximos de zero.




Impressão 3D


Não, ainda não é possível fazer sua casa do zero apenas com recurso a uma impressora. No entanto, existem muitas possibilidades com esta tecnologia. O engenheiro mecânico Robert Flitsch, da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, desenvolveu uma impressora 3D capaz de preencher e restaurar fissuras em estradas. Além disso, já se mostrou muito útil na prototipagem de obras, assim como a criação de peças de difícil produção.


Artigo: ADEUS ALVENARIA... OLÁ IMPRESSÃO 3D



Nanotecnologia


Pode não fazer sentido num primeiro momento, mas a nanotecnologia foi uma importante aliada no desenvolvimento de materiais mais resistentes. Dois exemplos incríveis são a utilização de nanotubos de carbono na produção de cimentos e betão, aumentando a resistência às tensões exercidas sobre eles assim como a criação de vidros que se limpam sozinhos, aproveitando-se da água da chuva e dos raios ultravioleta para manter a superfície sempre limpa.




Big Data


A informação é a maior tendência do século XXI. E a construção civil é um sector que precisa ser informatizado. Utilizar esta ferramenta é sem dúvida uma boa opção que faz o sector avançar. Com ela por exemplo, é feito o mapeamento de todas as obras em andamento num país, permitindo assim, avaliar as regiões com falta de equipamentos, materiais de construção, operacionais ou até mesmo perceber onde há falta de infraestruturas para a população actual.



BIM (Building Information Modeling)


O BIM é uma das tecnologias mais modernas no que diz respeito a armazenamento e partilha de dados. Com ele, é possível integrar os dados de todas as etapas de uma obra de forma automática, permitindo uma melhor visualização do projecto e maior amplitude na análise das estruturas.


GOSTOU? então coloque um "gosto" e partilhe para os seus amigos

Tem uma história para partilhar? email EngenhoeArte@yahoo.com

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Branca Ícone LinkedIn
  • Ícone do Twitter Branco

© 2019 Orgulhosamente criado com Engenho & Arte