• Engenho e Arte

CONCLUÍDO O TABULEIRO DA PONTE DE GÉNOVA QUE CAÍU EM 2018


EM 2018 COLAPSOU E FOI UMA DAS GRANDES TRAGÉDIAS EM PONTES NOS ÚLTIMOS ANOS


Apenas 10 meses após o início das obras de fundações da nova ponte. o último vão do tabuleiro da ponte foi instalado ontem na presença do primeiro-ministro italiano Giuseppe Conte e outros ministros e autoridades.

Também estiveram presentes o executivo-chefe da Salini Impregilo, Pietro Salini, o executivo-chefe da Fincantieri, Giuseppe Bono, e todos os gerentes, técnicos e trabalhadores que tornaram possível o desenvolvimento do projecto.


"Hoje comemoramos um dia importante", disse Salini.

Acrescentou que se lembrava do dia de 14 de Agosto de 2018, quando todos ficámos chocados, sentindo-nos impotentes ao ver o colapso, que matou 43 pessoas. Ele descreveu como sendo “uma tragédia inimaginável e inaceitável para um país com nosso conhecimento e nossa capacidade de construir infraestrutura ainda hoje com nossas mãos”.


O consórcio PerGenova ganhou o contrato em Dezembro de 2018, alguns meses após o colapso fatal que matou 43 pessoas .

Agora que estamos nesta pandemia que nos nega o prazer de nos abraçarmos, gostaria de apertar de maneira virtual todas as mãos dos homens e mulheres que conseguiram construir esta ponte, porque vocês são pessoas extraordinárias que fecharam uma ferida profunda realizada por esta cidade. "


O ultimo vão, que tem 44m de comprimento e pesa 900 toneladas, foi colocada entre os pilares 11 e 12, concluindo o projecto da via rápida. O vão foi içado a 5 metros por hora pelos macacos instalados no topo dos cais, completando o comprimento total de 1,067m do tabuleiro. A primeira fundação começou em 24 de Junho de 2019.

Temos plena consciência de que a pandemia do Covid-19 forçou-nos a repensar completamente como nos comportamos. É uma emergência que inequivocamente deixou a sua marca, dividindo a vida em duas, entre a que tínhamos antes e a que teremos depois. Em Gênova, mostrámos que é possível trabalhar em segurança, graças às medidas tomadas e ao compromisso de centenas de pessoas que trabalham diariamente no local ”, disse Salini.


Luzes com cores da bandeira italiana iluminarão toda a extensão da ponte e todos os 18 pilares, todas as noites até 1º de maio, em homenagem às instituições públicas e a todo o povo de Gênova, com um pensamento solene às famílias das vítimas da ponte de Morandi que desabou.


O relançamento do sector de infraestrutura em Itália foi mencionado durante o evento. Salini Impregilo planeia contribuir com o relançamento através do Progetto Italia, uma operação para consolidar empresas no país num grupo maior, a ser chamado Webuild.

Pietro Salini disse: “Desta cidade, sai uma mensagem de esperança e futuro, um grande plano para a construção e manutenção das infraestruturas no nosso país, que criariá milhões de empregos. Vamos começar imediatamente com um novo plano Marshall, usando o sucesso desta ponte como modelo para o relançamento da Itália. ”



GOSTOU? então coloque um "gosto" e partilhe para os seus amigos

Tem uma história para partilhar? email EngenhoeArte@yahoo.com


80 visualizações

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Branca Ícone LinkedIn
  • Ícone do Twitter Branco

© 2019 Orgulhosamente criado com Engenho & Arte